O desespero da direita boliviana

Luis Arce, candidat du MAS, le Parti d'Evo Morales, reste en tête des intentions de vote en Bolivie.

Por Maria Josefina Arce

O tempo encurta e o candidato do MAS – Movimento ao Socialismo – Luis Arce continua liderando as pesquisas de opinião tendo em vista as eleições na Bolívia. A preferência por Arce desespera a direita boliviana.

A oligarquia fará qualquer coisa para tirar do caminho o partido do ex-presidente Evo Morales e ficar no poder.

Mudar a data dos pleitos sob o pretexto da Covid-19, criminalizar o MAS e outras organizações afins e agressiva campanha midiática têm sido alguns dos métodos usados pela direita.

Lançou mão inclusive da justiça para inabilitar a organização política e tirá-la da contenda. Nesta direção, encaminhou um recurso à Sala Constitucional Segunda do Tribunal Departamental de Justiça de La Paz.

O órgão judicial aceitou o recurso, que pretende obrigar o Supremo Tribunal Eleitoral a anular as siglas de MAS.

A direita valeu-se de um antigo e falso argumento. De novo, se escuda na suposta divulgação por Arce de uma pesquisa de opinião, em julho passado, num programa de televisão.

Daquela feita, ficou claro que o candidato presidencial não tinha violado a lei de cumprimento eleitoral, porquanto não divulgou os resultados de nenhuma pesquisa, nem mostrou gráficos durante sua presença no espaço televisivo.

O ex-presidente Morales convocou os militantes e simpatizantes do MAS a não ligar importância às provocações, as quais – disse - pretendem conturbar a sociedade e, por conseguinte, suspender as eleições marcadas para o dia 18 de outubro.

Em verdade, a direita já vem promovendo atos violentos contra os membros do MAS. Este partido, que tem um claro programa de governo para beneficiar especialmente os mais pobres, quer continuar trabalhando por um país melhor.

Mas o panorama é pouco nítido. Com um golpe de Estado em novembro passado contra Morales, reeleito pelo povo, a direita mostrou que é capaz de tudo, portanto, se pode esperar qualquer coisa se Arce ganhar os pleitos, como vaticinam as pesquisas.   

Editado por Lorena Viñas Rodríguez



Comentários


Deixe um comentário
Todos os campos são requeridos
Não será publicado
captcha challenge
up