Reiteram em Cuba apoio à reivindicação boliviana de uma saída soberana ao mar

Havana, 10 de dezembro (RHC).- Durante ato de solidariedade nos arredores do farol Roncali, no extremo oeste da província de Pinar del Rio, reiterou-se o apoio à reivindicação boliviana de uma saída soberana ao mar. O país perdeu o acesso próprio ao oceano Pacífico no século 19, numa guerra com o Chile.

Este ano, a Corte Internacional de Justiça de Haia descartou outorgar esse direito do ponto de vista jurídico, porém deixou aberta uma eventual negociação entre ambos os países baseada na boa vontade e vizinhança.

O ato foi organizado pelo ICAP – Instituto Cubano de Amizade com os Povos. Estava presente o embaixador da Bolívia, Juan Ramón Quintana. Em 1996, o líder da Revolução, Fidel Castro, afirmou que a perda do acesso ao mar dos bolivianos foi uma das maiores injustiças na história do hemisfério.

Editado por Lorena Viñas Rodríguez



Comentários


Deixe um comentário
Todos os campos são requeridos
Não será publicado
captcha challenge
up