Chanceler cubano diz que EUA não têm autoridade moral em matéria de direitos humanos

Havana, 14 de março (RHC).- O chanceler cubano, Bruno Rodríguez, advertiu que os EUA carecem de autoridade moral em matéria de direitos humanos quando apela ao assunto para atacar outros países.

No Twitter, Rodríguez disse que o governo norte-americano é um repressor global, e lembrou que nessa nação as minorias são discriminadas, a população carente se torna mais pobre, milhões de cidadãos não podem votar, os direitos humanos dos imigrantes são violados e proliferam os casos de abuso sexual contra menores sob custódia das autoridades.

Editado por Lorena Viñas Rodríguez



Comentários


Deixe um comentário
Todos os campos são requeridos
Não será publicado
captcha challenge
up