Cuba ratifica solidariedade à Venezuela

Havana, 16 de março (RHC).- O presidente Miguel Díaz-Canel ratificou a solidariedade de Cuba à Venezuela ao referir-se ao envio a essa nação de um grupo de especialistas para ajudar no enfrentamento à Covid-19.

No Twitter, compartilhou matéria publicada no diário “Granma”, editado em Havana, que menciona a chegada a Caracas da equipe integrada por especialistas em epidemiologia, virologia, terapia intensiva e clínica médica. Todos são membros do Contingente Internacional Henry Reeve, de profissionais preparados para casos de grande desastres naturais e epidemias graves. Entre outras tarefas, darão assessoria à brigada médica cubana que presta serviço na Venezuela.

Noutra mensagem, Díaz-Canel destacou o pensamento solidário do líder histórico da Revolução cubana, Fidel Castro, e o caráter humanista do sistema vigente nesta Ilha.

Por sua vez, o vice-premiê Ricardo Cabrisas reiterou a disposição de Cuba de continuar fortalecendo os laços de amizade com a Venezuela, seja qual for a circunstância, e ressaltou a contribuição dos mais de 22.000 colaboradores que trabalham ali.

Num encontro em Caracas com representantes das missões sociais, Cabrisas qualificou de heroica essa tarefa porque demonstra a decisão política, de solidariedade e humanista do povo e governo cubanos em apoio à população venezuelana.

Editado por Lorena Viñas Rodríguez



Comentários


Deixe um comentário
Todos os campos são requeridos
Não será publicado
captcha challenge
up