Reino Unido rejeita bloqueio norte-americano a Cuba

Havana, 20 de maio (RHC).- O Reino Unido rejeita o bloqueio econômico, comercial e financeiro imposto pelos EUA a Cuba há quase 60 anos. “Consideramos que o impacto extraterritorial do embargo, inclusas as afetações a companhias do Reino Unido, é contrário ao direito internacional.

E também não estamos convencidos de que essas sanções promovam potenciais reformas ou o progresso econômico”, declarou perante a Câmara dos Comuns a subsecretária de Estado Parlamentar para a Comunidade Europeia e as Américas, Wendy Morton.

A representante da Chancelaria britânica respondeu assim uma pergunta feita por Grahame Morris, presidente do Grupo Parlamentar Multipartidarista sobre Cuba. Morton disse que essa postura tem sido informada ao governo dos EUA, e recordou o voto a favor da resolução aprovada todos os anos na Assembleia Geral da ONU que pede o fim dessa medida coercitiva.

Editado por Lorena Viñas Rodríguez



Comentários


Deixe um comentário
Todos os campos são requeridos
Não será publicado
captcha challenge
up