Cuba reitera “tolerância zero” contra tráfico de pessoas

Havana, 31 de julho (RHC).- Cuba reiterou a política de “tolerância zero” contra o tráfico de pessoas e sublinhou que a luta contra esse flagelo precisa de cooperação, e não de listas e relatórios unilaterais, como os elaborados pelo governo dos EUA.

No Twitter, o ministro das Relações Exteriores, Bruno Rodríguez, garantiu que as autoridades cubanas têm vontade política para a prevenção e enfrentamento a todas as formas de tráfico humano, além de proteger as vítimas.

O Dia Mundial contra a Trata de Pessoas foi comemorado ontem, 30 de julho.

Editado por Lorena Viñas Rodríguez



Comentários


Deixe um comentário
Todos os campos são requeridos
Não será publicado
captcha challenge
up