Radio Havana Cuba

Uma voz de amizade que percorre o mundo

  • Siga-nos em

#NoMasBloqueo #SolidaridadVsBloqueo

FIFA endurece esquema contra o racismo na Copa das Confederações

Havana, 15 de junho (RHC).- A FIFA, Federação Internacional de Futebol Associado, anunciou novas medidas para evitar atos de racismo na Copa das Confederações, que dará início neste sábado na Rússia.

Em caso de incidente discriminatório, o juiz poderá interromper a partida até normalizar a situação. Se persistir, terá faculdade para suspender o jogo. Além disso, em todos os estádios estarão presentes observadores para vigiar o comportamento das torcidas. Eles estarão em contato com o pessoal de segurança e os organizadores.

“Essas iniciativas são ferramentas adicionais para os juízes e funcionários, visando a prevenção de atitudes discriminatórias e para garantir um ambiente de jogo limpo”, indicou o presidente da FIFA, Gianni Infantino.

A entidade também informou que tenciona utilizar a vídeo-arbitragem no Mundial da Rússia'2018. “Estamos muito contentes com os resultados no Mundial sub'20 da Coreia do Sul. Os melhores juízes estão aprendendo muito rápido como usá-la”, garantiu Massimo Busacca, chefe do Departamento de Arbitragem da FIFA.

Indicou que a nova tecnologia ajuda não só a tomar decisões, mas também a evitar faltas e ações violentas em campo. “Leva uma mensagem aos jogadores: tomem cuidado, tem uma câmera vigiando-os, respeitem os rivais”, apontou Busacca.

 

Editado por Lorena Viñas Rodríguez
Comentários
Deixe um comentário
Contador de Visitas

3840727

  • maxima: 19729
  • yesterday: 5418
  • today: 1339
  • online: 201
  • total: 3840727