Companhia aérea LATAM tenta renegociar suas dívidas

Havana, 26 de maio (RHC).- A companhia aérea LATAM, a maior da América Latina, buscou amparo na Lei de Falências dos EUA para tentar renegociar suas volumosas dívidas geradas principalmente pelo efeito da pandemia no setor da aeronáutica comercial.

Nesta terça-feira, anunciou o início de um “processo voluntário de reorganização e reestruturação da dívida”, arvorando a interrupção de voos, o colapso na demanda e a queda notável nos ingressos.

A executiva da LATAM sublinhou que durante o processo vai manter os voos de carga e passageiros, pagando seus funcionários e provedores de bens e serviços, e cumprindo suas obrigações com seus clientes, agências de viagens e parceiros comerciais, incluso o programa de milhagem.

As unidades da LATAM incluídas no pedido de renegociação por falência são as do Chile, Peru, Colômbia, Equador e EUA. Não estão envolvidas as entidades da companhia aérea na Argentina, Brasil e Paraguai.

Editado por Lorena Viñas Rodríguez



Comentários


Deixe um comentário
Todos os campos são requeridos
Não será publicado
captcha challenge
up