EUA afirma que pacto sobre Síria mostra que é viável trabalhar junto à Rússia

Havana, 8 de julho (RHC).- O secretário norte-americano de Estado, Rex Tillerson, declarou em Hamburgo, sede da Cúpula do G20, que o acordo em torno de uma zona de distensão no sudoeste da Síria mostra que os EUA podem trabalhar junto à Rússia.

Tillerson disse que no encontro entre os presidentes Donald Trump e Vladimir Putin nessa cidade alemã foram abordados os avanços na Síria a partir desse acordo, que também inclui a Jordânia. Indicou que se trata de um documento bem definido e que abre o caminho para a colaboração futura entre os EUA e a Rússia nessa questão.

 

 

Editado por Maite González Martínez



Comentários


Deixe um comentário
Todos os campos são requeridos
Não será publicado
captcha challenge
up