Venezuela critica viagem do vice-presidente dos EUA pela América Latina

Havana, 17 de agosto (RHC).- O governo da Venezuela tachou de “agressão infame” a viagem do vice-presidente dos EUA, Mike Pence, por várias nações da América Latina.

Quando passou pela Argentina, em coletiva de imprensa junto com o presidente Maurício Macri, Pence sugeriu aumentar a pressão diplomática e econômica para derrubar o chefe de Estado venezuelano Nicolás Maduro e, segundo suas palavras, impor a volta à democracia nesse país.

Nesse contexto, a presidente da Assembleia Nacional Constituinte, Delcy Rodríguez, anunciou que os deputados da oposição Julio Borges e Fredy Guevara são investigados por sua responsabilidade nos recentes planos para desestabilizar o país. Disse que os fatos são apurados pela Comissão da Verdade, Justiça e Paz.

Borges, líder do partido Primeiro Justiça, é acusado de sabotar o sistema econômico, financeiro e social da Venezuela, e Guevara, dirigente do Vontade Popular, estaria envolvido com grupos violentos que geraram o terror em várias localidades nos últimos meses.

Editado por Lorena Viñas Rodríguez



Comentários


Deixe um comentário
Todos os campos são requeridos
Não será publicado
captcha challenge
up