Venezuela rechaça sanções do Canadá

Havana, 23 de setembro (RHC).- A Venezuela rejeitou as sanções impostas pelo Canadá a 40 altos funcionários, incluso o presidente Nicolás Maduro.

Comunicado da Chancelaria expressa que as medidas ilegais constituem uma violação dos princípios da Carta da ONU e da OEA, Organização de Estados Americanos, e das normas que devem reger as relações de amizade e colaboração entre os Estados.

O documento sublinha que a Venezuela denuncia perante a comunidade internacional essas sanções, qualificando-as de hostis, que vulneram o princípio de não intervenção nos assuntos internos dos países.

Editado por Lorena Viñas Rodríguez



Comentários


Deixe um comentário
Todos os campos são requeridos
Não será publicado
captcha challenge
up