Exigem no México justiça para estudantes desaparecidos há três anos

Havana, 27 de setembro (RHC).- O Partido do Trabalho do México tachou de vergonhosa a falta de justiça no caso dos 42 estudantes da Escola Normal de Ayotzinapa desaparecidos há três anos após serem detidos por efetivos da polícia local, e acusou o governo de não ter disposição política para investigar até o fundo.

Considerou lamentável que até agora não se tenha uma explicação clara do que aconteceu com os jovens, e nenhuma pessoa tenha sido julgada pelo crime.

Editado por Lorena Viñas Rodríguez



Comentários


Deixe um comentário
Todos os campos são requeridos
Não será publicado
captcha challenge
up