Eventos internacionais na Bolívia em homenagem ao Che Guevara

Havana, 6 de outubro (RHC).- Na Bolívia decorrem atividades e eventos internacionais em homenagem ao revolucionário Ernesto Che Guevara, por ocasião do aniversário 50 de sua presença nesse país. Lá, o Che fundou um grupo guerrilheiro. Em oito de outubro de 1967 foi capturado pelo exército após ser ferido em combate, e no dia seguinte assassinado no pequeno povoado de La Higuera.

Os encontros abordam o pensamento e vida do Che. No domingo, jovens bolivianos e de vários países farão uma caminhada de Pucará a La Higuera. No dia seguinte será realizado em Vallegrande o ato central em homenagem ao comandante guerrilheiro.

Em Cuba, profissionais do setor da saúde receberam a medalha Trabalhador Internacionalista no ato que abriu a jornada de homenagens ao Che Guevara na província de Havana. Na cerimônia foram reconhecidos médicos e trabalhadores que se destacaram no trabalho em hospitais, policlínicas e instalações afins, e também em missões humanitárias no exterior.

A doutora Aleida Guevara, filha do Che, falou na cerimônia e felicitou seus colegas. Disse que a figura do seu pai continua viva nos cubanos, que materializam seus sonhos.

Editado por Lorena Viñas Rodríguez



Comentários


Deixe um comentário
Todos os campos são requeridos
Não será publicado
captcha challenge
up