Venezuela denuncia silêncio ante repressão na Argentina

Havana, 20 de dezembro (RHC).- A presidente da Assembleia Constituinte da Venezuela, Delcy Rodríguez, denunciou o silêncio de organismos internacionais como o MERCOSUL – Mercado Comum do Sul e a OEA – Organização de Estados Americanos ante a repressão contra manifestantes na Argentina.

Em sua conta no Twitter, Rodríguez destacou a postura indiferente de países como os EUA e os membros da União Europeia. Frisou que a ação violenta dos órgãos de segurança argentinos, por ordem do governo do presidente Maurício Macri, constitui uma grave violação dos direitos humanos. Os protestos foram contra a aprovação no parlamento argentino de uma polêmica reforma previdenciária.

Editado por Lorena Viñas Rodríguez



Comentários


Deixe um comentário
Todos os campos são requeridos
Não será publicado
captcha challenge
up