População iraniana condena manifestações violentas nas ruas

Havana, 4 de janeiro (RHC).- A população iraniana se lançou às ruas para condenar as ações de grupos violentos em alguns lugares do país e externar seu respaldo à Revolução Islâmica. Também, rechaçar a ingerência dos EUA e Israel que incitaram as sabotagens e atos de vandalismo.

Ontem, o presidente do Irã, Hasan Rojani, lembrou que a Constituição permite fazer críticas e reivindicações ao governo, porém sem violência e respeitando a propriedade pública e privada.

Editado por Lorena Viñas Rodríguez



Comentários


Deixe um comentário
Todos os campos são requeridos
Não será publicado
captcha challenge
up