Estudantes cubanos examinarão projeto de reforma constitucional

Havana, 31 de agosto (RHC).- Os estudantes cubanos do ensino médio começarão a debater, na semana que vem, o projeto de reforma constitucional. Susely Morfa, primeira-secretária da UJC – União de Jovens Comunistas, chamou a contribuir ao enriquecimento do texto, necessário para continuar construindo uma sociedade melhor.

Por sua vez, os trabalhadores da EGREM – Empresa de Gravações e Edições Musicais se referiram aos princípios da política educacional, científica e cultural, entre eles o caráter livre da criação artística e a erradicação de instrumentos jurídicos que limitem a divulgação de produtos culturais de qualidade.

Em Buenos Aires, o argentino Adolfo Pérez Esquivel, Prêmio Nobel da Paz, disse que o povo cubano tem hoje a oportunidade de melhorar e aprofundar sua Revolução e de tornar realidade muitos dos sonhos e esperanças de Fidel castro, Che Guevara e líderes latino-americanos como Hugo Chávez. Referindo-se à reforma constitucional, afirmou que o povo tem uma dinâmica permanente de transformação.

 

Editado por Lorena Viñas Rodríguez



Comentários


Deixe um comentário
Todos os campos são requeridos
Não será publicado
captcha challenge
up