China protesta por entrada de navio de guerra dos EUA nas águas jurisdicionais

Havana, 2 de outubro (RHC).- O ministério das Relações Exteriores da China protestou pela entrada ilegal de um navio de guerra norte-americano nas águas jurisdicionais, e considerou o fato uma ameaça à paz e estabilidade na região.

O porta-voz da Chancelaria, Hua Chunying, disse que a presença do destróier portador de mísseis dirigidos “Decatur” perto dos recifes e ilhotas de Nansha, no domingo passado, foi uma provocação, e anunciou que a China vai tomar as medidas necessárias para proteger sua segurança.

 

Editado por María Candela



Comentários


Deixe um comentário
Todos os campos são requeridos
Não será publicado
captcha challenge
up