Presidente do STF suspende medida que beneficiaria ex-presidente Lula no Brasil

Havana, 20 de dezembro (RHC).- O presidente do STF – Supremo Tribunal Federal do Brasil, José Antonio Dias Toffoli, suspendeu a medida cautelar que permitiria colocar em liberdade o ex-mandatário Luiz Inácio Lula da Silva. A medida beneficiaria todos os detidos após serem condenados em segunda instância, que seriam soltos até concluir o processo judicial em todos os níveis.

Toffoli levou em conta o recurso apresentado pela Procuradora Geral, Raquel Dodge, que baseou seu pedido em que a liberdade imediata de milhares de detentos poderia ocasionar uma grave lesão à ordem e segurança no país. Meios de imprensa especulam que uma reunião do alto comando das forças armadas poderia ter influído na decisão do presidente do STF.

Editado por Lorena Viñas Rodríguez



Comentários


Deixe um comentário
Todos os campos são requeridos
Não será publicado
captcha challenge
up