Mais de 90% dos venezuelanos rechaçam intervenção militar estrangeira

Havana, 28 de fevereiro (RHC).- O presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, afirmou que 92% dos cidadãos rechaçam uma eventual intervenção militar no país promovida pelos EUA.

Maduro referiu-se a pesquisas de opinião sobre o assunto. Disse que 80% rejeita a ingerência da Colômbia nos assuntos internos dessa nação, e 86% acha que os problemas nacionais devem ser resolvidos através do diálogo. O chefe de Estado destacou a luta do povo em defesa da soberania, apesar das ameaças enfrentadas nas últimas semanas.

A Rússia circulou na ONU um projeto de resolução a ser apresentado no Conselho de Segurança para apoiar a soberania venezuelana e promover um diálogo interno. O texto é condizente com a postura do chamado Mecanismo de Montevidéu, que conta com o respaldo de numerosos países da América Latina e Caribe.

Ontem, o embaixador russo, Vasily Nebenzya, denunciou no Conselho que se está tratando de impor uma saída militar na Venezuela, e advertiu que isso ocasionaria graves danos na região e no mundo. Disse que na sessão desse órgão, convocada pelos EUA, deveriam ser analisadas as ameaças em torno da nação sul-americana, e criticou os que reconheceram o golpista e impostor Juan Guaidó como presidente interino, desconsiderando o resultado das eleições de maio passado.

No debate, o chanceler venezuelano, Jorge Arreaza, reiterou a disposição do governo de conversar com a oposição, e apontou que a função do Conselho de Segurança não é fazer a guerra.

Por sua vez, o secretário-geral da CARICOM – Comunidade do Caribe, Irwin LaRocque, disse que a União Europeia não deve interferir com a posição do bloco caribenho favorável a uma solução pacífica sobre a Venezuela, que deveria partir do povo dessa nação. Indicou que é preciso respeitar os princípios aceitos internacionalmente em torno da não ingerência nos assuntos internos dos Estados.

Editado por Lorena Viñas Rodríguez



Comentários


Deixe um comentário
Todos os campos são requeridos
Não será publicado
captcha challenge
up