Greve geral da Argentina

Havana, 29 de maio (RHC).- A Argentina amanheceu nesta quarta-feira mergulhada numa greve geral contra a política econômica do presidente Maurício Macri.

A mobilização foi convocada pela Confederação Geral do Trabalho. Todos os voos da companhia Aerolíneas Argentinas foram suspensos. Buenos Aires, a capital, ficou sem transporte público, e houve afetações nos bancos, escolas e centros de saúde. Esta é a quinta paralisação nacional contra o governo de Macri.

Editado por Lorena Viñas Rodríguez



Comentários


Deixe um comentário
Todos os campos são requeridos
Não será publicado
captcha challenge
up