Supremo Tribunal Federal do Brasil adia avaliação de pedido de liberdade para ex-presidente Lula

Havana, 12 de junho (RHC).- O STF – Supremo Tribunal Federal do Brasil adiou para o dia 25 deste mês a análise do pedido de liberdade para o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, condenado por suposta corrupção sem provas concretas.

A decisão coincide com revelações sobre o conluio entre o juiz Sérgio Moro, hoje ministro da Justiça, e o promotor Deltan Dallagnol para incriminar Lula. O pedido da defesa busca impugnar o julgamento e anular o processo contra o líder histórico do PT – Partido dos Trabalhadores.

Editado por Lorena Viñas Rodríguez



Comentários


Deixe um comentário
Todos os campos são requeridos
Não será publicado
captcha challenge
up