ONU critica aumento de assassinatos de ex-guerrilheiros das FARC na Colômbia

Havana, 26 de outubro (RHC).- A Missão de Verificação da ONU na Colômbia criticou o aumento dos assassinatos de ex-guerrilheiros das FARC incorporados ao processo de reinserção na sociedade depois dos acordos de paz assinados com o governo em 2016.

Comunicado da entidade indica que desde então foram mortos de maneira violenta 168 ex-combatentes do grupo, hoje transformado em partido político. E menciona o recente crime contra Alexander Parra no outrora Espaço Territorial de Capacitação e Reincorporação do município de Mesetas, no departamento de Meta.

Editado por Lorena Viñas Rodríguez



Comentários


Deixe um comentário
Todos os campos são requeridos
Não será publicado
captcha challenge
up