Parlamento europeu pede mais ações em defesa do direito da criança

Bruxelas, 27 novembro (RHC).- O Parlamento Europeu pediu mais ações em defesa dos direitos da criança, especialmente contra o tráfico e casamento forçado.

Os eurodeputados condenaram, em resolução, todas as formas de violência contra os menores, a mutilação genital feminina inclusive, e exortaram os países da União Europeia a buscarem novas estratégias para erradicar esses flagelos.

Pediram, também, proteger melhor os migrantes, dando ênfase aos não acompanhados, e que se garanta o direito a uma educação inclusiva.

Editado por Lorena Viñas Rodríguez



Comentários


Deixe um comentário
Todos os campos são requeridos
Não será publicado
captcha challenge
up