Sindicatos franceses descartam trégua de Natal nos protestos contra reforma da previdência

Havana, 18 de dezembro (RHC).- Os sindicatos franceses descartaram uma trégua de Natal nos protestos contra a reforma previdenciária levada adiante pelo governo. Hoje, as mobilizações cumprem sua 14ª jornada.

Ontem, quase dois milhões de cidadãos foram às ruas para se manifestar. A Confederação Geral do Trabalho, um dos grêmios mais importantes da nação europeia, anunciou que as ações continuarão até que as autoridades decidam dar marcha a ré no projeto.

Editado por Lorena Viñas Rodríguez



Comentários


Deixe um comentário
Todos os campos são requeridos
Não será publicado
captcha challenge
up