Rússia considera inaceitáveis acusações contra a Organização Mundial da Saúde

Havana, 27 de abril (RHC).- A Rússia considerou “totalmente inaceitáveis” os “intentos de jogar a culpa na OMS – Organização Mundial da Saúde pela pandemia da Covid-19”.

“Os organismos especiais do sistema das Nações Unidas continuam sendo um mecanismo sem alternativa para a colaboração multilateral nos âmbitos correspondentes. Isso também se aplica plenamente às atividades da OMS”, afirmou o ministro das Relações Exteriores, Serguei Lavrov.

Indicou que os ataques são “absolutamente negativos e injustos”, sublinhando que a grande maioria dos Estados acha que a OMS agiu de forma profissional em todas as etapas da crise, dando passos preventivos e divulgando informações e sugestões a todos os países.

Editado por Lorena Viñas Rodríguez



Comentários


Deixe um comentário
Todos os campos são requeridos
Não será publicado
captcha challenge
up