EUA impõem restrições a maior fabricante de semicondutores da China

Havana, 29 de setembro (RHC).- Os EUA impuseram restrições às exportações dirigidas à SMIC – Corporação Internacional de Fabricação de Semicondutores, considerada a maior empresa desse ramo na China. Os provedores norte-americanos terão de pedir licenças para enviar-lhe seus produtos.

A SMIC afirmou que não tem nenhuma relação com o exército, e sim com áreas de caráter civil e comercial. As sanções fazem parte da política hostil de Washington contra a nação asiática.

Por sua vez, o jornal “Global Times”, editado em Pequim, publicou matéria convocando a esmagar os intentos norte-americanos de estrangular o desenvolvimento tecnológico chinês, e advertiu que a base dessa indústria ainda está em mãos norte-americanas.

O texto ressalta que as ações contra a Huawei e a SMIC mostram que o governo dos EUA está travando uma batalha prolongada nessa esfera.

Editado por Lorena Viñas Rodríguez



Comentários


Deixe um comentário
Todos os campos são requeridos
Não será publicado
captcha challenge
up