Garantes do processo de paz colombiano pedem cessar-fogo bilateral

Havana, 28 maio (RHC).- Os governos de Cuba e Noruega, garantes das conversações de paz em Havana entre o governo colombiano e as guerrilheiras Farc-EP – Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia - Exército do Povo - pediram a entrada em vigor o quanto antes do cessar- fogo bilateral e definitivo no país sul-americano.

Em comunicado divulgado ontem Oslo e Havana externam profunda preocupação com o escalamento do conflito armado e reiteram sua disposição e a das nações acompanhantes Chile e Venezuela a contribuir para o progresso das conversas e para a construção de uma paz estável e duradoura na Colômbia.

Os países garantes exortaram ambas as partes a preservarem os acordos alcançados em Havana e discutir o resto dos assuntos na mesa de negociações.

Editado por Juan Leandro



Comentários


Deixe um comentário
Todos os campos são requeridos
Não será publicado
captcha challenge
up