Mahmud Abás, expressou suas condolências pela morte do líder da Revolução cubana

Havana, 26 de novembro (RHC).- O presidente da Autoridade Nacional Palestina, Mahmud Abás, expressou suas condolências pela morte do líder da Revolução cubana, Fidel Castro, falecido em Havana aos 90 anos de idade.
 Abás enviou uma mensagem a seu homólogo cubano e irmão de Fidel, Raúl Castro, pela morte de um homem "dedicado à defesa de sua terra e sua gente" e "a verdade e a justiça", informou a agência oficial palestina Wafa.
 O líder palestino assinala o vínculo de seu povo com Cuba, que foi o único país latino-americano que votou em contra da partição da Palestina histórica para a criação de um estado árabe e outro judeu na Assembléia Geral da ONU em 1947, destaca a nota.
 E agradece "o apoio à causa palestina" de Castro, especialmente com a declaração para cortar relações diplomáticas com Israel e o reconhecimento da Organização para a Libertação de Palestina (OLP) na quarta reunião do Movimento dos Não Alinhados em 1973 em Argel.

Editado por Martha C. Moya



Comentários


Deixe um comentário
Todos os campos são requeridos
Não será publicado
captcha challenge
up