Denunciam na ONU bloqueio norte-americano a Cuba

Havana, 13 de setembro (RHC).- A organização não governamental CETIM, Centro Europa - Terceiro Mundo, denunciou no Conselho de Direitos Humanos da ONU o bloqueio econômico, comercial e financeiro imposto pelos EUA a Cuba desde o começo dos anos 60.

No informe apresentado à entidade, o CETIM indica que essa política é “ilegal, ilegítima e pode ser interpretada como ato de guerra não declarada”. Afirma que o cerco econômico é “contrário ao direito à autodeterminação, porque priva a população cubana de seus próprios meios de subsistência”. “Tem de cessar imediata e incondicionalmente”, sublinhou a ONG.

Editado por Lorena Viñas Rodríguez



Comentários


Deixe um comentário
Todos os campos são requeridos
Não será publicado
captcha challenge
up