Congressistas norte-americanos rejeitam eventual corte das relações com Cuba

Havana, 30 de setembro (RHC).- O grupo de trabalho bipartidarista sobre Cuba na Câmara de Representantes dos EUA rechaçou as tentativas de cortar as relações diplomáticas bilaterais e barrar as viagens entre os dois países.

Os legisladores condenaram a decisão do presidente Donald Trump de aplicar retaliações sem ter identificado os responsáveis das afetações à saúde de diplomatas norte-americanos em Havana e elogiaram a disposição do governo cubano de resolver o assunto de maneira satisfatória para ambas as partes.

Por sua vez, o representante democrata Jim McGovern disse que a reação do Departamento de Estado dos EUA foi excessiva ao retirar mais da metade do pessoal da missão diplomática. Apontou que a medida é o último exemplo da ignorância do governo em torno de como dirigir a política exterior.

Editado por Lorena Viñas Rodríguez



Comentários


Deixe um comentário
Todos os campos são requeridos
Não será publicado
captcha challenge
up