Parlamento da Nicarágua condena bloqueio norte-americano a Cuba

Havana, 25 de outubro (RHC).- A Assembleia Nacional da Nicarágua reiterou sua solidariedade ao povo de Cuba e condenou o bloqueio econômico, comercial e financeiro imposto pelos EUA desde o começo dos anos 60, ainda vigente.

A declaração dos legisladores afirma que essa medida unilateral viola os princípios de igualdade soberana dos Estados, de não ingerência nos assuntos internos e de liberdade no comércio.

Por sua vez, em Caracas, o Movimento Nacional de Amizade e Solidariedade Mútua Venezuela-Cuba exigiu do governo norte-americano o fim do cerco econômico. E denunciou a postura do presidente Donald Trump que anunciou num memorando de Segurança Nacional o endurecimento das restrições contra este país.

 

Editado por Lorena Viñas Rodríguez



Comentários


Deixe um comentário
Todos os campos são requeridos
Não será publicado
captcha challenge
up