Diaz-Canel afirma que o governo trabalha sem pausa pela volta dos médicos cubanos sequestrados

Havana, 15 abril (RHC).- O presidente Miguel Diaz-Canel afirma que o governo está trabalhando sem pausa pela volta dos dois médicos cubanos sequestrados no Quênia.

Em sua conta no Twitter, Diaz-Canel escreveu que Cuba concentra esforços na volta de Assel Herrera e Landy Rodriguez, sãos e salvos. Disse que com eles e seus seres queridos compartilham a certeza de que sua missão humanitária será respeitada e acreditam no poder da solidariedade.

Por sua vez, o chanceler cubano Bruno Rodriguez declarou que os colaboradores cubanos no Quênia estão seguros e a embaixada cubana em Nairobi, a capital, se comunica permanentemente com eles e seus familiares estão informados.

A colaboração médica de Cuba com Quênia começou em junho do ano passado. Cento e um profissionais da saúde cubanos trabalham lá.

Editado por Lorena Viñas Rodríguez



Comentários


Deixe um comentário
Todos os campos são requeridos
Não será publicado
captcha challenge
up