China reitera apoio a Cuba ante bloqueio norte-americano

Havana, 29 de maio (RHC).- A China reiterou seu apoio a Cuba na luta pelo fim do bloqueio econômico, comercial e financeiro imposto pelos EUA no começo dos anos 60, ainda vigente. A medida foi endurecida recentemente com a ativação do título Três da chamada Lei Helms – Burton, que acirra seu caráter extraterritorial.

Assim falou o ministro chinês das Relações Exteriores, Wang Yi, ao receber em Pequim seu homólogo cubano, Bruno Rodríguez. Ambos coincidiram em que as relações bilaterais são excelentes e multifacéticas, baseadas na igualdade, respeito e benefício mútuo.

Wang Yi disse que é preciso ampliar os laços nas comunicações, colaboração estratégica e coordenação na arena internacional, e contribuir à promoção da paz no mundo. Por sua vez, Rodríguez sublinhou que Cuba celebra os triunfos e confia na tecnologia e nas empresas da nação asiática. Hoje, a China é o segundo parceiro comercial do país e um importante destino para as exportações cubanas.

Editado por Lorena Viñas Rodríguez



Comentários


Deixe um comentário
Todos os campos são requeridos
Não será publicado
captcha challenge
up