Presidentes de Cuba e Rússia se reúnem em Moscou

Havana, 29 de outubro (RHC).- O presidente cubano, Miguel Díaz-Canel, foi recebido em Moscou por seu homólogo russo, Vladimir Putin. “Mantemos os contatos nos níveis mais altos, de maneira contínua.

Cooperamos e nos apoiamos ativamente no âmbito internacional. Rússia sempre simpatizou, especialmente, com a posição independente de Cuba com sua política soberana”, indicou Putin.

Felicitou Díaz-Canel por sua recente eleição como Presidente da República e aceitou o convite para visitar Cuba. Referiu-se ao incremento do intercâmbio comercial bilateral em 33% no ano passado, e ressaltou a história das relações entre os dois países.

Díaz-Canel está prestes a concluir sua visita de trabalho à Rússia, na qual é acompanhado pelos ministros de Relações Exteriores, Bruno Rodríguez, de Comunicações, Jorge Luis Perdomo, de Agricultura, Gustavo Rodríguez, de Indústria, Alfredo López, de Transporte, Eduardo Rodríguez, e de Comércio Exterior e Investimento Estrangeiro, Rodrigo Malmierca.

A agenda desta terça-feira incluiu encontro com o primeiro-ministro, Dmitri Medvedev, a quem transmitiu saudações de Raúl Castro, primeiro-secretário do Partido Comunista de Cuba.

Díaz-Canel se reuniu também com empresários russos para conferir o avanço de projetos conjuntos na metalurgia, construção de maquinarias, energia, transporte e bancos. Explicou as dificuldades atuais nesta Ilha por causa do endurecimento do bloqueio econômico, comercial e financeiro imposto pelos EUA há quase seis décadas, e ratificou a disposição de manter os programas de desenvolvimento da nação. No encontro estavam presentes executivos russos da indústria automotriz, petróleo, ferrovias e outras esferas.

O mandatário destacou o potencial existente na exportação de bens e serviços de Cuba nas áreas médica, farmacêutica e de biotecnologia.

Editado por Lorena Viñas Rodríguez



Comentários


Deixe um comentário
Todos os campos são requeridos
Não será publicado
captcha challenge
up