Presidente cubano evoca palavra de ordem de Fidel : “Pátria ou Morte”

Havana, 5 de março (RHC).- O presidente cubano, Miguel Díaz-Canel, evocou a palavra de ordem “Pátria ou Morte” pronunciada pela primeira vez pelo líder histórico da Revolução, Fidel Castro, há 60 anos.

O fato ocorreu no marco do enterro das vítimas da sabotagem contra o navio “La Coubre”, que explodiu no porto de Havana quando estava sendo desembarcado um carregamento de armas e munições compradas na Europa. O atentado foi organizado pela CIA – Agência Central de Inteligência dos EUA.

No Twitter, Díaz-Canel compartilhou matéria do jornal “Granma” sobre o assunto. O texto ressalta que naquela ocasião Fidel chamou os cubanos a defenderem o processo revolucionário em nome da liberdade e da pátria. No comício realizado nos arredores do Cemitério de Colón, denunciou o atentado e garantiu que o país resistiria e venceria toda agressão a partir da disjuntiva de “Pátria ou Morte”.

Editado por Lorena Viñas Rodríguez



Comentários


Deixe um comentário
Todos os campos são requeridos
Não será publicado
captcha challenge
up