Homenagens em Cuba aos participantes de ação revolucionária em 13 de março de 1957

Havana, 13 de março (RHC).- Os cubanos prestam homenagem hoje aos participantes do ataque ao Palácio Presidencial e da tomada da emissora Rádio Relógio em 13 de março de 1957 em Havana.

A ação revolucionária foi coordenada por José Antonio Echeverría, líder estudantil universitário, que tombou ao enfrentar a polícia nesse dia.

Daniel Medina, membro da executiva da Federação Estudantil Universitária, destacou a colocação de flores na lugar onde foi morto Echeverría após sair da emissora radiofônica, e no panteão dos mártires daquela ação. Como é tradicional, Rádio Relógio transmitiu nesta sexta-feira a mensagem do então líder do Diretório Revolucionário dirigida ao povo cubano.

 

Editado por Lorena Viñas Rodríguez



Comentários


Deixe um comentário
Todos os campos são requeridos
Não será publicado
captcha challenge
up