Logo Radio Habana Cuba

Radio Havana Cuba

Uma voz de amizade que percorre o mundo

  • Siga-nos em

#NoMasBloqueo #SolidaridadVsBloqueo

Presidente Díaz-Canel ressalta papel da ciência cubana na luta contra a pandemia

Havana, 8 de maio (RHC).- O presidente Miguel Díaz-Canel ressaltou o papel da ciência cubana na batalha contra a pandemia no país. Falando na reunião semanal com pesquisadores e executivos de centros que contribuem nessa tarefa, disse que as iniciativas e soluções apresentadas deixam um saldo muito positivo no âmbito da saúde pública e na estratégia de recuperação após ultrapassar a crise sanitária atual.

Ileana Morales, diretora de Ciência e Inovação Tecnológica do ministério de Saúde Pública, abordou os sistemas de pesquisa e análise da transmissão da doença do ponto de vista epidemiológico e os resultados da inclusão nos protocolos de tratamento de medicamentos e produtos concebidos por cientistas cubanos, entre eles o anticorpo monoclonal Anti CD6 e o péptido CIGB 258.

Nesse ponto, o presidente Díaz-Canel ressaltou que no país não houve colapso nas Unidades de Terapia Intensiva graças, em grande medida, à aplicação de produtos da biotecnologia cubana para tratar de evitar que os pacientes cheguem ao status de grave ou crítico.

Na reunião, Consuelo Macías, diretora do Instituto de Hematologia e Imunologia, referiu-se ao acompanhamento dos pacientes recuperados da Covid-19 para avaliação clínica posterior à alta hospitalar. Os que sofrem de fibrose pulmonar como sequela da doença serão tratados com células tronco e outras terapias. Também falou no uso do plasma de doadores que tiveram a doença, com bons resultados.

Por sua vez, o doutor em Ciências Pedro Más apresentou um estudo no qual se mostra que o pico da pandemia em Cuba ocorreu em torno de 25 de abril passado. Sublinhou que a curva de incidência da doença no país coincide com os prognósticos mais favoráveis graças a medidas como o fechamento das escolas, a suspensão de eventos públicos, os testes de diagnóstico a todos os casos suspeitos e contatos dos confirmados, e a interrupção do transporte público local, intermunicipal e interprovincial, além dos voos internacionais. Também, a restrição de movimento das pessoas nas cidades e povoados.

Nesta sexta-feira, o diretor nacional de Epidemiologia do ministério da Saúde Pública, doutor Francisco Durán, indicou que ontem foram diagnosticados 12 casos positivos da Covid-19, para um total de 1.741 contagiados desde a chegada do coronavírus a Cuba. Cinco pacientes estão estado crítico e três graves. Nas últimas 24h faleceu uma pessoa pela Covid-19, sendo 74 os óbitos até agora, para uma letalidade de 4,2%. Ontem foram dadas 47 altas hospitalares. Já são 1.078 os que voltaram a suas casas recuperados da enfermidade.

Editado por Lorena Viñas Rodríguez
Comentários
Deixe um comentário
Contador de Visitas

8275511

  • maxima: 19729
  • yesterday: 5174
  • today: 4680
  • online: 152
  • total: 8275511