Logo Radio Habana Cuba

Radio Havana Cuba

Uma voz de amizade que percorre o mundo

  • Siga-nos em

#NoMasBloqueo #SolidaridadVsBloqueo

Presidente e premiê cubanos explicarão na Tv processo pós-pandemia

Havana, 11 de junho (RHC).- O presidente Miguel Díaz-Canel e o primeiro-ministro Manuel Marrero explicarão nesta quinta-feira o processo de recuperação pós-pandemia em Cuba. No programa de televisão “Mesa Redonda”, a partir das 18h (hora local), abordarão detalhes das três etapas previstas, condizentes com a situação epidemiológica do país e em termos globais.

Ontem, na reunião do Conselho de Ministros, Díaz-Canel ressaltou o trabalho das instituições e a participação do povo no enfrentamento à Covid-19, cujo resultado possibilitou estar falando agora na volta à maior normalidade possível. O plano de medidas está ligado à estratégia aprovada na véspera pelo Bureau Político do Partido Comunista de Cuba, que abrange também o aspecto econômico.

O mandatário cubano sublinhou que quase todos os municípios levam cerca de um mês sem detectar novos casos da enfermidade, portanto estão em condições de iniciar a primeira fase. Ressaltou o aperfeiçoamento dos protocolos de tratamento levando em conta os critérios dos cientistas e especialistas de Cuba e do mundo dedicados a essa tarefa. Vários dos medicamentos e produtos utilizados nas terapias foram concebidos no país.

Esse trabalho permitiu chegar a certa estabilidade, e evitar o colapso nas UTIs ao diminuir notavelmente o número de casos graves ou críticos. “Tem se trabalhado intensamente em função de salvar vidas, e os resultados nos levam a vislumbrar que estamos num momento próximo a passar à recuperação”, afirmou Díaz-Canel. O propósito é evitar que a Covid-19 se torne uma doença endêmica em Cuba, sublinhou.

Por sua vez, o primeiro-ministro Manuel Marrero falou sobre as três fases do plano de restauração da vida normal no país. Um dos objetivos é desenvolver capacidades para enfrentar um eventual ressurgimento da enfermidade e desenvolver capacidades para enfrentá-lo. As medidas estão relacionadas com todos os setores, inclusas questões trabalhistas e tributárias. A flexibilização será gradual, condicionada aos protocolos de saúde para manter sob controle o Sars-Cov2, apontou.

Marrero disse que está previsto manter o distanciamento físico e o uso obrigatório da máscara em todas as atividades na primeira etapa. Mais adiante, será apenas em lugares públicos onde existir concentração de pessoas. Não poderão entrar nos centros de trabalho pessoas com sintomas respiratórios, além de manter a desinfeção de mãos e superfícies.

Ao retomar o turismo internacional, os visitantes serão submetidos a testes PCR e registros de temperatura, e nos hotéis será permanente a vigilância clínico-epidemiológica. Na primeira fase as instalações receberão apenas turistas nacionais, explicou o premiê. Disse que o transporte público será restabelecido aos poucos, com certas restrições. O ano letivo será retomado em setembro, e no mês seguinte começará o correspondente a 2020-2021.

Marrero abordou outras medidas previstas nas três etapas da recuperação, e frisou que neste verão não serão promovidas atividades que incentivem a aglomeração de pessoas. Decidiu-se, portanto, suspender o carnaval e outros festejos populares. A passagem de uma fase à outra dependerá da situação epidemiológica do país, sublinhou o primeiro-ministro cubano.

Nesta quinta-feira, o doutor Francisco Durán, diretor nacional de Epidemiologia do ministério da Saúde Pública, informou do falecimento de um paciente pela Covid-19. São 84 óbitos desde que foi detectado o primeiro caso no país, há três meses. Ontem foram diagnosticados oito positivos, para um total de 2.219.

Editado por Lorena Viñas Rodríguez
Comentários
Deixe um comentário
Contador de Visitas

8487034

  • maxima: 19729
  • yesterday: 6674
  • today: 2535
  • online: 149
  • total: 8487034