Informam que médicos cubanos sequestrados no Quênia estão bem

Havana, 17 de dezembro (RHC).- Inés María Chapman, vice-presidente do Conselho de Ministros, informou que os dois médicos cubanos sequestrados em abril passado no Quênia estão bem e seguros, e sublinhou que continuam os esforços para que possam voltar ao país.

Chapman agradeceu às autoridades quenianas pelas gestões feitas para sua soltura desde que foram retidos por grupos armados que operam no território do país africano. Indicou que o governo cubano presta atenção permanente à situação de ambos, dando prioridade a seu retorno sãos e salvos.

Editado por Lorena Viñas Rodríguez



Comentários


Deixe um comentário
Todos os campos são requeridos
Não será publicado
captcha challenge
up