Agência Mundial Antidopagem tem na mira a Jamaica

Editado por Juan Leandro
2013-10-15 13:48:42

Pinterest
Telegram
Linkedin
WhatsApp

Havana, 15 de outubro (RHC).- A Agência Mundial Antidopagem decidiu investigar sua homóloga jamaicana por suspeitas em torno do trabalho feito nessa área antes da Olimpíada de Londres'2012.

“É um assunto de alta prioridade”, disse o diretor-geral da AMA, David Howman, referindo-se a recentes declarações da ex-chefe da entidade na Jamaica, Renee Anne Shirley. Ela disse que durante vários meses antes dos Jogos não foram feitos testes no país.

Contudo, a Federação Internacional de Atletismo não deu importância ao assunto porque nessa época realizou seus próprios controle antidoping sem problema algum. Na polêmica se envolveu o atual presidente da Agência jamaicana, Herbert Elliott, que chamou Shirley de “demente” e “Judas”.



Comentários


Deixe um comentário
Todos os campos são requeridos
Não será publicado
captcha challenge
up