Secretário-geral da ONU condena atentado em partida de vôlei no Afeganistão

Editado por Juan Leandro
2014-11-25 12:08:31

Pinterest
Telegram
Linkedin
WhatsApp

Havana, 25 de novembro (RHC).- O secretário-geral da ONU, Ban Ki-Moon, condenou o atentado suicida numa partida de vôlei no Afeganistão, no qual morreram cerca de 60 pessoas inocentes.

Em declaração entregue aos jornalistas, Ki-Moon expressou seu rechaço à ação contra homens, mulheres e crianças que desfrutavam de um evento esportivo na comunidade e disse que não foi só uma grave violação das leis afegãs e internacionais, mas também um fato condenável.

No domingo passado, um homem-bomba explodiu durante uma partida de vôlei no distrito de Yahya Khel. Pelo menos 50 espectadores morreram na hora, e os demais nos centros de saúde. A ONU espera que os responsáveis sejam levados à justiça, apontou Ki-Moon.



Comentários


Deixe um comentário
Todos os campos são requeridos
Não será publicado
captcha challenge
A seguir
  • El Caribe que nos une
  • Sonido Cubano
  • Inglés

Mais vistas

up