Brasil teria laboratório antidoping estrangeiro para o Mundial de futebol

Editado por Juan Leandro
2013-10-30 13:00:19

Pinterest
Telegram
Linkedin
WhatsApp

Havana, 30 de outubro (RHC).- O Brasil poderia contar com um laboratório antidoping estrangeiro instalado no Rio de Janeiro para examinar os testes feitos no Mundial de futebol de 2014. Porém, a ideia deve ser aprovada pela FIFA, Federação Internacional.

O único laboratório brasileiro habilitado para esse trabalho, o LADETEC, dependente do Instituto de Química da Universidade Federal do Rio, perdeu a licença em agosto passado por causa de erros em alguns resultados. Para o Mundial poderia ser convidado um centro mexicano, colombiano ou cubano para analisar as amostras de sangue e urina dos jogadores.



Comentários


Deixe um comentário
Todos os campos são requeridos
Não será publicado
captcha challenge
up