Comunidade do Caribe insiste em cúpula mundial sobre acesso às vacinas contra a Covid-19

Havana, 19 de fevereiro (RHC).- A Caricom – Comunidade do Caribe insistiu perante a OMS – Organização Mundial da Saúde na necessidade de convocar a uma cúpula global sobre o acesso equitativo às vacinas contra a Covid-19.

Keith Rowley, primeiro-ministro de Trinidad e Tobago e atual presidente do bloco regional, assinalou que o objetivo é compartilhar com justiça os recursos de imunização disponíveis em benefício da humanidade toda, e não só de alguns privilegiados.

Alertou sobre “outras atividades imorais” relacionadas com a distribuição do produto, como a acumulação excessiva, o aumento nos preços e as “preferências indevidas em alguns setores”.

A Caricom considera que é preciso trabalhar juntos para enfrentar a pandemia, porque será difícil para os países pequenos competir no mercado para obter o imunizante.

As nações caribenhas dependem muito das viagens e do turismo em sua vida econômica e social, por isso, o acesso às vacinas constitui uma prioridade, segundo os analistas.

Editado por Lorena Viñas Rodríguez



Comentários


Deixe um comentário
Todos os campos são requeridos
Não será publicado
captcha challenge
up