Presidente cubano lembra frase de Fidel sobre caráter desumano do capitalismo

Editado por Lorena Viñas Rodríguez
2019-12-19 12:02:03

Pinterest
Telegram
Linkedin
WhatsApp

Havana, 19 de dezembro (RHC).- O presidente cubano, Miguel Díaz-Canel, lembrou uma frase do líder histórico da Revolução, Fidel Castro, em torno do caráter desumano do capitalismo, proferida em 1986 num discurso na cidade de Bayamo.

No Twitter, Díaz-Canel referiu-se ao rechaço de Fidel às leis criminosas que regem o capitalismo. Na ocasião, o líder cubano afirmou que no socialismo o fator fundamental é a consciência das pessoas.

Noutra mensagem, o chefe de Estado abordou a resolução aprovada na OEA – Organização de Estados Americanos sobre a Bolívia. O documento foi apresentado pela Comecom – Comunidade do Caribe e significou uma derrota para os EUA e o secretário-geral da entidade, Luis Almagro.

O texto, aprovado com 18 votos a favor e quatro contra, exige respeito pleno aos direitos dos povos indígenas na Bolívia e denuncia a violação dos direitos cidadãos contra esse segmento da população. Só se opuseram os EUA, Colômbia, o atual governo boliviano e o representante do autoproclamado presidente da Venezuela, Juan Guaidó.



Comentários


Deixe um comentário
Todos os campos são requeridos
Não será publicado
captcha challenge
Reproduzindo agora
Sonido Cubano
A seguir
  • Desde Mi Habana
  • Cartas a la Redacción
  • Cancionero Iberoamericano

Mais vistas

up