Associação francesa propõe outorgar Nobel a brigadas médicas cubanas no exterior

Editado por Lorena Viñas Rodríguez
2020-04-29 13:23:36

Pinterest
Telegram
Linkedin
WhatsApp

Havana, 29 de abril (RHC).- A associação francesa Cuba Linda propôs outorgar o prêmio Nobel às brigadas médicas cubanas enviadas a mais de 20 países para ajudar a enfrentar a Covid-19.

“A comunidade internacional é testemunha da solidariedade dos profissionais da saúde que saem do seu país para prestar serviços e compartilhar experiências noutras partes do mundo, que no caso da pandemia ocasionada pelo novo coronavírus chegam inclusive ao coração da Europa”, indica o documento emitido pela organização fundada em 1998.

O texto indica que a colaboração médica cubana é corriqueira na África, Ásia e América Latina, onde os profissionais da saúde desta Ilha salvam vidas desde os primeiros anos da Revolução, que triunfou em 1959.

Lembra a criação do contingente internacionalista “Henry Reeve” especializado em grandes desastres e epidemias por inciativa do líder histórico Fidel Castro, cuja ajuda foi efetiva em tragédias ocorridas no Paquistão, Equador, Venezuela, Haiti, Serra Leoa, Libéria e outras nações. Hoje seus integrantes estão também na Itália e Andorra, atendendo diretamente pacientes da Covid-19, destacou a associação francesa.



Comentários


Deixe um comentário
Todos os campos são requeridos
Não será publicado
captcha challenge
Reproduzindo agora
Desde Mi Habana
A seguir
  • La Trova Cubana
  • Un lugar para la poesía
  • Reflejos

Mais vistas

up