Cerca de 24% da população cubana recebeu pelo menos uma dose de imunizantes antiCovid

Editado por Lorena Viñas Rodríguez
2021-06-25 15:39:37

Pinterest
Telegram
Linkedin
WhatsApp

Foto: BioCubaFarma

Havana, 25 de junho (RHC).- Cerca de 24% da população cubana já recebeu pelo menos uma dose das candidatas vacinais cubanas antiCovid-19 Abdala e Soberana 02, que já concluíram a fase Três de ensaios clínicos com bons resultados.

Ambas, junto à Soberana Plus, têm sido utilizadas em intervenções sanitárias na capital e noutras localidades do país com alta incidência da doença.

Eulogio Pimentel, vice-presidente do grupo empresarial BioCubaFarma, garantiu que hoje o país tem o maior ritmo de imunização por dia em proporção ao número de habitantes, graças ao trabalho conjunto da indústria farmacêutica e o sistema nacional de saúde. Porém, esclareceu que é preciso tomar as três doses previstas para garantir o nível máximo de proteção.

Por sua vez, Vicente Vérez, diretor do Instituto Finlay de Vacinas, revelou que a eficácia da candidata vacinal cubana Soberana 02 no esquema de duas doses com uma terceira da Soberana Plus como reforço deve ser de 85 a 95%.

Disse que ainda falta por avaliar os últimos dados da fase Três de ensaios clínicos, que têm a ver com a dose adicional. Sem ela, já alcançou 62% de eficácia. Explicou que a alternativa de combinar a aplicação de dois imunizantes é aplicada em Cuba desde janeiro passado, e sublinhou que os testes têm sido realizados em localidades onde circulam várias cepas do Sars-Cov2.

Antes, o Centro de Engenharia Genética e Biotecnologia informara que a Abdala teve uma eficácia de 92,28% no esquema de três doses, com duas semanas de intervalo entre elas.



Comentários


Deixe um comentário
Todos os campos são requeridos
Não será publicado
captcha challenge
A seguir
  • Francés
  • Portugués
  • Nuestra América

Mais vistas

up