Cuba afirma que a paz é a prioridade mais urgente da comunidade internacional

Editado por Juan Leandro
2013-10-01 14:06:03

Pinterest
Telegram
Linkedin
WhatsApp

Havana, 1º de outubro (RHC).- Cuba afirmou que a paz é a prioridade mais urgente da comunidade internacional, e para isso é preciso impedir uma agressão militar contra a Síria.

Falando na executiva da UNESCO, Organização da ONU para a Educação, Ciência e Cultura, o representante cubano Juan Antonio Fernández reiterou o respaldo a uma solução negociada ao conflito.

A Síria está na mira, num Oriente Médio que convulsiona e se dessangra pelas guerras e conflitos fratricidas atiçados por interesses forâneos e uma intervenção aberta, disse Fernández. Sublinhou que a solução deve levar em conta o respeito à independência, soberania e autodeterminação do povo sírio.

Na reunião da UNESCO, Cuba denunciou o sistema de espionagem global montado pelos EUA, que viola a privacidade e vigia pessoas, empresas e governos, inclusa a Organização das Nações Unidas.



Comentários


Deixe um comentário
Todos os campos são requeridos
Não será publicado
captcha challenge
up