Radio Havana Cuba

Uma voz de amizade que percorre o mundo

  • Siga-nos em

#NoMasBloqueo #SolidaridadVsBloqueo

Cuba protege suas praias

National Geographic escolheu, neste ano, três praias cubanas entre as mais belas do mundo. Praia Sirena, Paraíso e Lindamar, situadas na porção meridional do arquipélago, em Cayo Largo del Sur, foram as eleitas pelo seu atrativo natural e seu bem conservado meio ambiente.

As autoridades insistem em que as praias cubanas devem manter sua beleza. Assim, levando em conta a mudança climática – que provocou danos nestes lugares -, se trabalha para devolver o esplendor aos balneários mais prejudicados.

Elevado percentual das praias de areia em Cuba mostra sinais de erosão, um fenômeno que vem acontecendo em nível mundial. Apresentam retrocesso na linha costeira cuja média é de 1,2 metros ao ano, e que pode ser superior em alguns setores do litoral.

Na deterioração e degradação das superfícies de praia incidiu a construção, há anos, de imóveis e outros estabelecimentos sobre as dunas, para além dos furacões e outros eventos da natureza.

Para enfrentar esta problemática e outras ameaças da mudança climática em Cuba, nas zonas vulneráveis traçou-se o Plano de Estado denominado Tarefa Vida, aprovado pelo Conselho de Ministros a 25 de abril de 2017.

Baseado em estudos científicos que começaram na década de 1970 e que foram sendo atualizados com o passar dos anos, o programa inclui 11 tarefas encaminhadas a diminuir a vulnerabilidade de 15 zonas de prioridade.

Com relação às praias, realça a necessidade de considerar seu papel como assunto prioritário na proteção da vida humana e sua qualidade, assim como no concernente ao turismo.

Vale mencionar que as autoridades cubanas levam anos trabalhando nesse sentido. Assim, os balneários como o mundialmente famoso Varadero se beneficiaram de determinadas ações encaminhadas a manter sua beleza natural. Por exemplo, se verteu areia artificial para recuperar estes espaços. Até 2012 tinham sido depositados mais de um milhão de metros cúbicos de areia numa área de11 quilômetros de costa.

No ano passado, começou campanha de fornecimento de areia a outras praias, sendo favorecidas El Paso, em Cayo Guillermo, e Flamenco e Las Coloradas, em Cayo Coco, no arquipélago de Jardines del Rey, a norte da província de Ciego de Ávila.

Com este programa, que envolverá outros balneários, foi possível aumentar a faixa de praia em frente aos hotéis em uns 40 metros.

No âmbito da proteção destes lugares, estuda-se a vegetação que se possa plantar nos arredores, que deve ser autóctone, própria da região, para garantir sobrevivência e preservação do recurso natural.

As praias constituem excelente potencial, não só para o lazer e a recreação da população, mas também por ser atrativo para os turistas estrangeiros, portanto, as autoridades cubanas estão empenhadas na preservação destes espaços naturais.(María Josefina Arce)

Editado por Lorena Viñas Rodríguez
Comentários
Deixe um comentário
Contador de Visitas

3830732

  • maxima: 19729
  • yesterday: 4441
  • today: 1585
  • online: 173
  • total: 3830732