Unesco destaca feitos de Cuba na área de educação

Por Maria Josefina Arce

Mais uma vez, a UNESCO – Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura - destaca o trabalho feito por Cuba na área de educação que exibe padrões similares aos de nações desenvolvidas.

Em seu informe Mundial de Acompanhamento da Educação 2020, a organização internacional elogia a política de Cuba para garantir um ensino inclusivo e de qualidade em todos os níveis.

Entre os feitos, menciona 100% de escolarização na fase de pré-escola e considera muito positivas iniciativas como “Educa teu filho”, que, no começo, oferecia alternativa para crianças das zonas rurais e montanhosas e, mais tarde, se estendeu a todo o território nacional para menores até seis anos que não frequentam creches.

A família é o ator principal do programa e reforça seu papel como célula fundamental da sociedade. Igualmente, participam representantes das instituições educativas, de saúde, culturais e esportivas.

Embora utilize a via não institucional, contam com todo o apoio do Estado e de organizações de massas, como a Federação de Mulheres Cubanas e os Comitês de Defesa da Revolução.

Não é a primeira vez que a UNESCO realça os feitos de Cuba na Educação. Afirma que o mundo deve seguir o exemplo da Ilha; destaca os avanços do ensino especial que conta, hoje em dia, com mais de 300 centros e pessoal altamente qualificado para atender a crianças e jovens com dificuldades de aprendizado.

Esta atenção começa nas creches e está presente, também, no programa “Educa teu filho” para orientar a família. Conta com a ajuda de centros de diagnóstico e orientação, que contribuem para a detecção precoce de qualquer limitação educativa.

Cuba foi a única nação da América Latina e o Caribe que alcançou todos os objetivos de Educação para Todos, estabelecidos no ano 2000 até 2015 e que compreendiam a igualdade de gênero no ensino, garantir as mesmas oportunidades para jovens e adultos no acesso ao aprendizado e a universalização do ensino fundamental.

Uma educação de qualidade, gratuita, e ao alcance de todos é o princípio de Cuba, que destina a esse importante setor três vezes mais de seu Produto Interno Bruto do que a média dos países ricos.

 

Editado por Lorena Viñas Rodríguez



Comentários


Deixe um comentário
Todos os campos são requeridos
Não será publicado
captcha challenge
up