Papa Francisco adverte sobre propagação de sentimentos de discriminação

Havana, 20 de setembro (RHC).- O papa Francisco advertiu sobre o ressurgimento e propagação de sentimentos de discriminação por motivos étnicos, nacionais ou religiosos.

Ao intervir na conferência internacional “Xenofobia, racismo e populismo nacionalista no contexto das migrações mundiais”, o Sumo Pontífice da Igreja Católica afirmou que essa postura é sintoma de suspeita, temor, desprezo e ódio contra pessoas e grupos considerados diferentes. Indicou que amiúde esses sentimentos geram atos de intolerância, discriminação e exclusão que lesionam gravemente a dignidade e os direitos fundamentais das pessoas envolvidas.

 

Editado por María Candela



Comentários


Deixe um comentário
Todos os campos são requeridos
Não será publicado
captcha challenge
up